quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Máster do Flamengo em São João: torcedor terá que aguardar mais um pouco.



Inicialmente marcado para 27 de dezembro de 2015, a partida entre Amigos de Nabor Andrade e Flamengo-RJ, categoria máster, foi adiado para dia 31 de janeiro de 2016. Conversando com Nabor, ele me disse que a transferência da data foi uma  solicitação dos Cariocas. Eu não perguntei o motivo, mas, acredito que a mudança tenha ocorrido devido às festividades de final do ano.
            Com relação ao novo adiamento, o fato se deu porque três dias antes da data marcada para o evento, choveu forte em toda região, inclusive em São João. Um dos rios que corta nossa cidade transbordou. Detalhe: seu curso passa a poucos metros do  Estádio Heleno de Freitas, o gramado, e todo o seu entorno, ficou completamente alagado. Fato este que impossibilitou o tão esperado confronto.
           Nabor disse o seguinte: “Não tinha a mínima condição de realizar a partida. Já entrei em contato com eles(Flamengo), inclusive enviei vídeos mostrando as condições do gramado. Eles concordaram com mais um adiamento. Mesmo porque, em dezembro, eles precisaram mudar a data e nós concordamos.”
            Perguntei ao Nabor se já existe uma nova data para a realização deste jogo. Ele respondeu: “É bem provável que seja na última semana de fevereiro ou na primeira de março. Mas, antes, preciso ver a agenda do Flamengo para confirmar nova data.”
           Vamos aguardar e torcer para que dê tudo certo, pois, não será uma festa somente para os torcedores do Flamengo, e sim, também, para todos que sempre curtiram o bom futebol. Visto que, acompanhar de perto Rondinelli (o “deus” da raça), Adílio (o “neguinho” bom de molejo), Júlio César (urigueller) entre outros, será muito bom.
           E por falar em Rondinelli, qual rubro negro, com mais de 50 anos, esqueceria aquele 03 de dezembro de 1978 quando o zagueiro marcou o gol do título Carioca? Comandado por Zico, o Fla enfrentava o arqui-rival Vasco, no último jogo do Campeonato Carioca. Era, na verdade, o último jogo do segundo turno do torneio. Mas, como o time da Gávea havia vencido o primeiro turno, a Taça Guanabara, se vencesse o rival neste jogo seria campeão do segundo turno e sairia com o título estadual do Maracanã. Foi o que aconteceu. Os vascaínos precisavam apenas de um empate, para conquistar o returno e  adiar a decisão do Campeonato Carioca para a outra semana, contra o mesmo Flamengo. Mas, aos 41 do segundo tempo, ninguém, nem a torcida do Fla, reparou quando Rondinelli deixou o seu posto de sentinela na zaga rubro negra e caminhou em direção à área do Vasco no momento exato em que Zico ia bater o escanteio. O Galo levantou a bola na área e o Deus da Raça penetrou, subiu mais que os zagueiros vascaínos e  cabeceou violentamente para a meta de Leão. Um gol impressionante, inesquecível e decisivo: Flamengo 1×0 Vasco. Ainda faltavam quatro minutos de jogo, mas os cruzmaltinos não teriam forças para reagir. Foi só aguardar o juiz apitar o final da partida para o carnaval rubro negro começar no gramado, no vestiário e pelas ruas da cidade do Rio de Janeiro. O Flamengo era, mais uma vez, campeão estadual de futebol. E o melhor: com gol no finalzinho, e em cima do Vasco. 

ASSISTA AO GOL DE RONDINELLI

 
 
Abraço a todos e até apróxima se Deus quiser!

0 comentários:

POSTAR UM COMENTÁRIO

Postar um comentário