quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

BOTAFOGO 1962 – A VEZ DO FLAMENGO – IMAGENS DO CANAL 100

Foto: Revista Grandes Clubes Brasileiros - Botafogo - Rio Gráfica e Editora S.A.
Continuando a série de postagens de títulos conquistados pelo Glorioso Botafogo (publicamos 48 e 57) agora é a vez do bi em 1962. Timaço que ilustra o Blog de hoje: Paulistinha, Manga, Jadir, Nílton Santos, Aírton e Rildo. Agachados: Garrincha, Edson, Quarentinha, Amarildo e Zagalo. Aliás, Nílton Santos, Garrincha, Amarildo e Zagallo foram titulares da Seleção Brasileira Bi campeã no Chile 1962. Ou seja, bi do Rio de Janeiro e do Mundo.

Maracanã, 15 de novembro de 1962. É uma tarde cinzenta de sábado e o Botafogo, mais uma vez, entra em campo em desvantagem para decidir o Campeonato Carioca. O Flamengo tem 7 pontos perdidos e pode empatar. Flávio Costa, inclusive, parece disposto a garantir o zero a zero, escalando um meio-campo com Carlinhos, Nelsinho e Gérson. Mas o Botafogo tem Garrincha e leva para o campo uma tonelada de superstições. Os seus jogadores, apesar do calor abafado, usam camisas de mangas compridas.

São 9 minutos de jogo e Garrincha avança livre pela direita, depois de driblar Jordan. Quase no bico da pequena área chuta cruzado e marca o primeiro gol do Botafogo.

Aos 33 minutos, a jogada praticamente se repete. Garrincha avança e, da linha de fundo, cruza para a área. Vanderlei se afoba, mete a cabeça na bola e, de nariz, marca contra. Era o segundo gol do Botafogo.

Logo no início do segundo tempo, Zagalo escapa pela esquerda, dá para Amarildo e recebe de volta mais na frente. Da lateral da área cruza para meia-lua. Quarentinha salta e executa um sem pulo. O chute sai tão forte que explode no peito do goleiro Fernando e a bola sobra para Garrincha. É o terceiro e último gol dos 3 a 0.

O Botafogo ganha a partida e o bi-campeonato.

Fonte: Grandes Clubes Brasileiros – BOTAFOGO - 1972

Abaixo, com imagens espetaculares do CANAL 100, Botafogo 3x0 Flamengo.


Até a próxima se Deus quiser!

2 comentários:

  1. Sou flamenguista e apesar da derrota eu acho impossível não assistir ao vídeo. O canal 100 é demais.

    ResponderExcluir
  2. Demais era esse time do Botafogo. E mais do que demais, era Manoel dos Santos, o Garrincha, um Mané fazedor de Joões!
    Nei, detalhes no vídeo:
    No 1x0, é Sandro Moreyra que tenta abraçar Garrincha atrás do gol, é atropelado por ele e fica estatelado no chão.
    No 2x0, o segundo João é nada menos do que o Canhota. Com cabelo.
    No 3x0, lançamento de perna esquerda de Nilton Santos. A patada de Quarenta que Fernando não segura.
    Nas comemorações, vê-se Arlindo de "blusão" branco.

    ResponderExcluir