sexta-feira, 15 de outubro de 2010

EMPRESÁRIOS x CLUBES



No programa Bem Amigos deste dia 11 de outubro, o técnico Vanderlei Luxemburgo "levantou a bola" sobre a interferência dos empresários nos clubes de futebol. Em linhas gerais, disse o seguinte: "hoje em dia, o atleta não se preocupa com a pressão sofrida ao vestir a camisa deste ou daquele time. Ele sabe que, se não for bem neste ou naquele clube, o empresário coloca-o em outro".

Realmente, estamos cansados de assistir verdadeiras malas vestindo a camisa de grandes clubes, principalmente brasileiros, que na verdade fazem uma espécie de vitrine, para depois arrumarem uma transferência internacional. Na foto que ilustra o blog de hoje, um exemplo do que estamos falando. Da esquerda para direita, o 2º de pé, é o atacante Sul-africano Mark Frank Williams, que no final de 1996, teve uma passagem relâmpago pelo Parque São Jorge. Partiu sem deixar saudades.

Williams disputou apenas três partidas pelo Timão, duas como titular. Ele estreou contra o Bahia, no dia 13 de novembro de 1996. Entrou no segundo tempo, no lugar de Romerito. Depois, jogou contra o Goiás e contra o Coritiba. Após o Brasileirão, foi embora. Na foto acima estão de pé, da esq. p/ dir.: Henrique, Mark Frank Willians, Ayupe (São João Nepomuceno), Romerito, Célio Silva e Marcelo. Agach. Silvinho, Mirandinha, Marcelinho Carioca, Marcelinho Paulista e Lindomar.

Além de jogar no Corinthians, Mark Williams passou pelo Wolverhampton Wanderers (Inglaterra), Chongqing Lifan (China), Qingdao Zhongneng (China) and RWDM (Belgium). Depois, passou a se dedicar ao futebol de areia.

Fica a pergunta: com tantos empresários dominando os clubes, empurrando guela abaixo jogadores de baixo nível técnico, COMO FICA O TORCEDOR?

Abraço a todos e até a próxima se Deus quiser.

NO GIRO DA BOLA com Nei Medina - www.sjonline.com.br e
ARQUIVO ESPORTIVO www.descobertonet.com.br

0 comentários:

POSTAR UM COMENTÁRIO

Postar um comentário