sábado, 23 de abril de 2016

COM DERROTA, VERDÃO ENCERRA PARTICIPAÇÃO NO SUB 15.



Em campeonato organizado pela Liga Esportiva de Cataguases o Operário Futebol Clube de São João Nepomuceno, categoria sub 13, classificou-se para próxima fase ocupando a primeira colocação de seu grupo. Já o sub 15 despediu-se da competição sendo derrotado pela forte equipe do Guarani. O time da vizinha cidade de Guarani tem um elenco de qualidade e é um dos favoritos ao título de sua categoria.
O JOGO
Aos 7 minutos, o rápido Joninha escapou pela esquerda e finalizou nas mãos de Leonardo. O Operário respondeu com uma boa finalização de Telson.  Mesmo sem chances de classificação o Verdão do bairro São José buscou a vitória a todo momento. Agora foi a vez de Rafael(5) finalizar com a bola tocando no travessão e, na volta, “batata” cabeceou para fora. Nosso representante pressionou durante toda a primeira etapa, mas dói o Guarani que teve a última chance. Joninha entrou driblando pela direita e optou pela finalização ao passe. O chute de pé   esquerdo saiu fraco para boa defesa de Leonardo.
Veio a segunda etapa e, logo aos 9 minutos, Amarildo levantou bola na área para cabeçada do zagueiro Dudu(4). A bola tocou no travessão e sobrou para Joninha que finalizou para ótima defesa de Leonardo.  Aos 13 minutos, Rafael”polaco” arrancou pela direita e, na saída do goleiro Leonardo, tocou para abrir o marcador. Guarani 1x0. Em seguida, Amarildo colocou Rafael na cara do gol. O artilheiro entrou sozinho e tocou para ótima defesa de Leonardo.  O Operário não estava liquidado e reagiu com Luiz Otávio(11) que aproveitou bom cruzamento de Telson pela direita mas finalizou para fora. Mas o Guarani era muito perigoso nos contra ataques, e, o rápido Joninha escapou pela direita, entrou na área, e foi derrubado. Pênalti que Dudu bateu mas  a bola, caprichosamente, tocou no poste esquerdo de Leonardo, saindo pela linha de fundo. E para fechar o jogo, um golaço. O ótimo atacante Rafael”polaco” fez um carnaval pela esquerda e cruzou; a bola passou por toda extensão da pequena área mas Joninha fez a recuperação junto a bandeira do corner. Depois do esforço, deu belo drible em Milão e cruzou para Denzio se livrar de Alessandro e marcar um golaço. Final Operário 0x2 Guarani.
ASSISTA

                       


Com boa arbitragem de Roberto Gomes Mendonça auxiliado por Fabrício Ferreira e Advaldo Silva, o Operário jogou e perdeu com Leonardo no gol;  Jefferson, Alessandro, Pedro e Milão; Hugo, Rafael, Telson e Michael; Pedro”batata”(Luiz Otávio) e Kindê(Pedro). Técnico : Willian Lima.
Guarani foi a campo com Tharles; Denzio, Dudu, Juan e Luís Felipe; Pablo, Rafael, Amarildo e Ayron; Joninha e Rafael”polaco”. Técnico: Pedro Lamarca.
MAIS REGISTROS:
 Operário de São João Nepomuceno-MG

 Fabrício Ferreira, Roberto Gomes Mendonaça e Advaldo Silva

 Guarani da cidade de Guarani-MG

                                                                     Rafael"polaco"
A

domingo, 17 de abril de 2016

CENTENÁRIO E TARUANA: JOGO DE UM TEMPO SÓ !



Na manhã deste domingo(17/04), Centenário e Taruana voltaram a se enfrentar pela Copa José Jorge Ayupe Tamiozo. Novamente a partida aconteceu no campo do União de Roça Grande e o público que compareceu “assistiu apenas um tempo de jogo”. Digo apenas um tempo de jogo, porque, somente no primeiro tempo tivemos emoção. Inclusive,  os gols do empate em 1 a 1 surgiram na primeira etapa.
O JOGO
Logo aos 5 minutos, Banana finalizou de fora da área com a bola saindo a esquerda do goleiro Carlos do Centenário. Aos 16 a Taruana vencia por 1x0. Depois da bola levantada na área, Gim escorou para Sebastião finalizar sem chance para Carlos. O empate saiu no minuto seguinte. Porquinho chutou fraco de fora da área mas Marco Antônio”cachorrinho” não conseguiu segurar firme e o artilheiro Wágner tocou com categoria para o fundo da rede.
O jogo estava lá e cá. No escanteio cobrado por Sebastião, Banana desviou de cabeça deslocando o goleiro Carlos que ficou batido na jogada. Vei tirou a bola em cima da linha. Aos 28 minutos a torcida pediu pênalti de Carlos em Cadanha.  Final da primeira etapa Centenário 1x1 Taruana.
Veio o segundo tempo e  as oportunidades desapareceram. Em um lance e outro, Marquinho Souza, que entrara no lugar de Sebastião, cobrou falda da esquerda com a bola tocando na mão do meia Porquinho. O juiz mandou seguir... Na última chance do jogo, Wágner poderia ter definido a vitória para o Centenário mas perdeu a grande chance. Final: Centenário 1x1 Taruana.
ASSISTA

 
 
Com arbitragem de Além Paraíba, Márcio Barbosa foi auxiliado por Djalma Feliciano e Nílson Villas. O Taruana jogou com Cachorrinho no gol; Cascão, Marcelo Bilu, Zé Alberto e Willian; Sá Onça, Muthacha(Tilécio), Sebastião(Marquinho) e Banana; Gim(Rogerinho) e Cadanha. Técnico: Jorge Rodrigues.
Centenário teve Carlos no gol; Alex, Joel, Eduardo e Véi; Ituí, Sandro(Dé), Edmar e Porquinho; Wágner e Sorriso(Anderson). Técnico: Gibi.
MAIS REGISTROS
 Nílson Villas, Márcio Barbosa e Djalma Feliciano.

 Sorriso

 Wágner

 Sebastião autor do gol do Taruana

 Wágner do Centenário
Abraço a todos e até a próxima se Deus quiser!